Truck: Novo formato de classificação impõe desafio em Caruaru

Queda da temperatura ao longo do dia no agreste pernambucano deve promover um dos treinos de classificação mais emocionantes da temporada.

A temporada 2012 da Fórmula Truck apresentou uma série de novidades na categoria. Além dos novos modelos Cargo da equipe Ford Racing Trucks – pilotados por Danilo Dirani e Pedro Gomes -, outra novidade é o formato do treino de classificação. Neste ano, cada piloto tem o direito de completar duas voltas lançadas para tentar seu melhor tempo, ao invés de uma como era feito até o ano passado.
Uma mudança que deixa a sessão mais longa e, por isso, promove um desafio novo para as equipes em Caruaru – cidade que recebe a terceira etapa do ano no próximo domingo, dia 06. Localizada a 140 km da capital Recife, a cidade tem uma condição climática bastante peculiar, marcada pelo calor ao longo do dia e a queda da temperatura com o entardecer. 
Condição esta que pode ser decisiva no treino classificatório, uma vez que, teoricamente, o clima mais ameno favorece os caminhões de corrida a serem mais rápidos. Justamente em uma pista conhecida pelos poucos de ultrapassagem, onde a posição de largada pode ser fundamental para um bom resultado na corrida. 
“A hora de cada caminhão entrar na pista no treino de classificação vai ser o grande desafio do fim de semana. Como vamos entrar na pista logo no começo da sessão, é provável que tenhamos o asfalto e a temperatura ambiente mais quentes”, explica o chefe da equipe Ford Racing Trucks, Djalma Fogaça. “Caruaru tem uma pista onde é difícil ultrapassar, por isso o desempenho na classificação ajuda bastante para a corrida”, avalia.
O novo desafio, porém, não é visto como um problema pelo piloto Danilo Dirani, que corre pela terceira vez em Caruaru pela equipe oficial da Ford. “Nosso caminhão já mostrou ser bastante equilibrado e sempre se comportou bem na pista de Caruaru. Apesar da diferença que devemos ter na temperatura entre o início e o fim do treino, acho que se encaixar uma volta legal no começo da classificação, dá para garantir um lugar entre os oito primeiros”, aposta.
O treino que define o grid de largada na Fórmula Truck é dividido em duas partes. Na primeira, em que cada piloto tem duas voltas para registrar o melhor tempo, classificam-se os oito mais rápidos para o chamado Top Qualifying – fase que define o pole-position com mais uma volta lançada para esses pilotos.
“Entrar no Top Qualifying é nosso primeiro grande desafio. Temos hoje 12 ou 13 pilotos com chances boas de ocupar essas vagas. Vamos sair no começo do treino e vai ser preciso encaixar uma boa volta. Se entrarmos na fase final, nossa vantagem é começar o Top com o caminhão mais frio, já que estaremos parados há mais tempo”, explica Dirani, lembrando que a ordem de entrada dos caminhões é determinada pela classificação do campeonato.
Estreia para Pedro Gomes – Nos boxes da Ford Racing Trucks, o paulista Pedro Gomes vive uma sensação que não conhecia há, pelo menos, dez anos: a de estreia em uma pista. Mesmo com passagens pelas principais categorias do automobilismo nacional, como a Stock Car e a GT3, esta será a primeira vez que Pedro disputa uma prova em Caruaru. Mas ele destaca o entrosamento com a equipe e a experiência como fatores que inibem a ansiedade pela estreia.
“A última vez que eu corri em uma pista desconhecida foi em 2002, numa prova que fiz em Campo Grande e nunca tinha corrido lá”, lembra o piloto. “Isso foi, inclusive, um ponto que me ajudou muito nas duas primeiras corridas deste ano na Truck, por já conhecer a pista. Agora a situação se inverte: apesar de não conhecer a pista, estou me sentindo muito confortável em pilotar o caminhão e bastante entrosado com a equipe. Isso, sem dúvida, ajuda na hora de aprender um traçado novo”, contou o piloto.
Além da experiência de Djalma Fogaça e sua dupla de pilotos, o box da Ford Racing Trucks terá um reforço durante o próximo final de semana: Paulo Gomes, tetracampeão da Stock Car, viaja para Caruaru acompanhando seu filho, Pedro.
“Meu pai já correu e venceu provas em Caruaru. Por isso conversei bastante com ele sobre essa pista e ele decidiu viajar junto comigo para dar uma força. Pesquisei bastante sobre o circuito e procurei ver vídeos de câmeras on-board para me familiarizar. Já percebi que é uma pista onde é difícil ultrapassar, por isso a tomada de tempos lá é ainda mais importante”, reforça Pedro Gomes.
Os treinos livres para a terceira etapa do Campeonato Brasileiro de Fórmula Truck (2ª do Campeonato Sul-Americano) começam na próxima sexta-feira, às 10h30. A corrida será disputada no domingo a partir das 13h com transmissão ao vivo para todo o país pela TV Band.

Confira a programação da etapa:

Sexta-feira – 04/5
Treino livre 1 – 10h30
Treino livre 2 – 14h
Sábado – 05/5
Treino livre 3 – 8h30
Treino livre 4 – 10h30
Treino classificatório – 13h30 às 15h30
Top Qualifying – 15h45 às 16h15
Domingo – 06/5
Warm-up – 9h
Show de abertura – 9h35
Desfile dos pilotos – 9h50
Show de motos – 10h10
Truck Test – 10h45
Show de caminhões – 12h05
Corrida – F-Truck – 13h05

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *