Truck: Tendinite pode tirar Djalma Fogaça da corrida de Fortaleza

O sorocabano sentiu fortes dores no ombro e cotovelo direitos durante a prova de Caruaru.

Uma tendinite no ombro e cotovelo direitos pode tirar o sorocabano Djalma Fogaça (DF Motorsport/Ford/HDS Mecpar) da próxima etapa do Campeonato de Fórmula Truck, que será disputada no dia 1º de junho, no Autódromo de Fortaleza. “Eu senti muitas dores durante a corrida de Caruaru, que persistiram depois. Fiz os exames e acusou esse problema. Agora posso ficar de fora da próxima corrida”, conta o “Caipira Voador”.

Assim que chegou a Sorocaba, Djalma Fogaça fez uma ressonância magnética e os médicos concluíram que ele está com uma forte tendinite. “Agora eu vou ter que ficar de ‘molho’ por pelo menos 40 dias, fazendo fisioterapia”, afirma o piloto e chefe de equipe. “Lá em Pernambuco a corrida estava sendo muito difícil pra mim, porque estava com essas dores desde sexta feira e no domingo piorou muito. Não dá para pilotar nestas condições”, lembra.

Mas Fogaça ainda não jogou a toalha, e vai fazer um teste para ver se terá condições de pilotar no Ceará. “Eu vou treinar em Caruaru no dia 24 de maio (sábado) e ver como vou me sentir. A pista de Fortaleza exige muito e se eu não me sentir bem para guiar lá, contratarei um piloto para me substituir”, garante o titular da DF Motorsport/Ford/HDS Mecpar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *